Please enable JS

COMUNICAÇÃO

​Nova mudança será discutida sobre a desoneração da folha de pagamentos

14.06.17
img

"Recentemente uma medida provisória retirou a desoneração da maioria dos setores. Agora o governo pretende restringir a 4 setores.

Importante ficar atento e buscar uma análise deste impacto nas contas das empresas.

Segundo a notícia abaixo o governo pretende aumentar a arrecadação perdida pela desoneração. Mais uma para a conta das empresas e dos consumidores"

Alessandro Casser


Medida provisória revê política de desoneração da folha de pagamentos

MP 774/17, que poderá ser votada em comissão mista na próxima semana, reduz para quatro os setores beneficiados pela mudança na tributação sobre o trabalho

A política de desoneração da folha salarial de setores empresariais será revista pela Medida Provisória 774/17, que poderá ser votada em comissão mista na próxima semana. A medida começou a ser adotada em 2011 com quatro setores, chegou a 56 em 2014 e agora deve voltar para apenas quatro.

A desoneração retira a contribuição previdenciária patronal de 20% sobre a folha de pagamentos. Uma parte da perda de arrecadação é compensada por um aumento da contribuição das empresas sobre o faturamento, entre um e dois pontos percentuais a mais.

Ver notícia na íntegra